Escola Municipal explora tema voltado às profissões

Otávio de Assis
Imprensa/Prefeitura

Tem sido praxe no desenvolvimento educacional da EM Profa. Elisabeth Frias Pares, comemorar datas importantes do calendário cívico e festivo do Brasil, paralelamente usando o tema no aprendizado diário de seus alunos. Assim como em outras datas importantes, o trabalhador também ganhou um dia especial em sua homenagem, o dia 1º de maio, usado para celebrar as conquistas dos trabalhadores ao longo da história.

De acordo com a diretora da escola, Selma Lucindo, desde cedo as crianças apresentam grande interesse pela vida dos adultos, de modo que as profissões aparecem com frequência em suas brincadeiras do “faz de conta”. Enquanto elas brincam, elaboram e reelaboram suas representações, colocando-se no lugar da mãe, do pai ou do professor. “Por conta desse interesse, nossa escola dedicou ao estudo das profissões e sua importância para a nossa sociedade”, disse a diretora.

Explorar esse tema dentro do ambiente escolar, possibilita ampliar o conhecimento das crianças com relação ao universo das profissões e também colabora para que desenvolvam atitudes de cooperação e de respeito com as pessoas e suas diferentes funções. “A criança entende que é importante as pessoas trabalharem, pois além de conquistar melhores condições de vida, o trabalho causa bem-estar nas mesmas, pois ocupam seu tempo com acontecimentos úteis e benéficos”, enfatiza.

O interessante nessa ação foi que os alunos tiveram a oportunidade de entrevistar alguns pais que se prontificaram a ir a escola para falarem de suas profissões e da importância delas na vida das pessoas.

Aproveitando o tema da Feliso deste ano que será: “Cidade sustentável. Cuidar do presente para colher no futuro”, e com o subtema que será: “O teatro mágico de Roger Crivelini”, foi convidado Roger Crivelini homenageado da escola para ser entrevistado pelos alunos.

“Foi uma ação bastante produtiva para professores e alunos da nossa escola, destacando o trabalho da Ana Célia de Souza Mazzolini, Coordenadora Pedagógica”, finalizou Selma Lucindo.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *