Prefeitura de Socorro e Copaíba fecham parceria para revisão do Plano da Mata Atlântica

Proposta de Restauração Florestal no bairro do Oratório da Copaíba também deve contar com participação de Escola Municipal

A Prefeitura de Socorro, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, se reuniu na quinta-feira, 18, com a Associação Ambientalista Copaíba para tratar da atualização e revisão do Plano Municipal da Mata Atlântica.

O Prefeito André Bozola prestigiou a reunião, além do Secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Henrique Cézar, e técnicos da pasta. Pela Copaíba, participaram o Presidente e Vice-presidente da instituição, Dervino Santin e Célio Morais, respectivamente, a secretária-executiva, Flávia Balderi, e a coordenadora do viveiro, Ana Paula Balderi. Beloyanis Monteiro, da SOS Mata Atlântica, e Mariana Gianiaki, da ANAMA (Associação Nacional de Órgãos Municipais de Meio Ambiente), também estiveram presentes para orientar quanto ao roteiro da revisão do plano.

O Plano Municipal da Mata Atlântica tem como objetivo principal diagnosticar e planejar ações de proteção ao bioma da mata atlântica local, prevendo a recuperação de áreas degradadas e permitindo uma conciliação entre o desenvolvimento do município e a sustentabilidade das áreas identificadas. Com base no plano, o poder público poderá efetivar as políticas públicas voltadas para a preservação.

Na reunião ficou decido que a revisão do plano já existente será participativa e deverá contar com o envolvimento da comunidade. Em breve, o grupo de trabalho que está sendo coordenado pela Copaíba e Prefeitura irá divulgar uma consulta pública com o objetivo de levantar informações e sensibilizar a população.

O Prefeito André Bozola destacou a importância do trabalho em conjunto. “Tenho defendido a necessidade de ampliarmos nossas políticas públicas voltadas à preservação do meio ambiente local, e essa parceria com a Copaíba é fundamental”, celebrou o Prefeito.

Copaíba e Educação Municipal

Na oportunidade, com a presença da Secretária Municipal de Educação, Flávia Maria Teixeira Beneduzzi, e a supervisora pedagógica, Elenice Brindo da Cruz, também foi firmada parceria entre a Copaíba e a Escola Municipal Cândido Alves de Godoy, do bairro do Oratório, dentro do projeto “Restauração Florestal em áreas de mananciais da sub-bacia do Rio do Peixe no bairro Oratório”. O projeto foi elaborado pela Associação Ambientalista Copaíba para ser encaminhado ao Comitê de Bacia Hidrográfica do rio Mogi Guaçu – CBH-MOGI, para financiamento do Fundo Estadual de Recursos Hídricos – FEHIDRO.

De acordo com as diretrizes, os alunos e professores da Escola participarão de atividades de educação ambiental por três anos, realizadas na própria escola e no seu entorno, além de visitas à área que será restaurada, uma no início e outra no final do projeto. Também está prevista a realização de uma visita anual à Associação Ambientalista Copaíba para conhecer a RPPN, o viveiro de mudas nativas e para atividades de sensibilização ambiental.

O projeto ainda será encaminhado e analisado pelo Comitê CBH-MOGI. Caso aprovado, a expectativa é que o mesmo seja desenvolvido em 2020.

Compartilhe: