Prefeitura esclarece os critérios para a poda de árvores no município

Otávio de Assis
Imprensa/Prefeitura

 Para elucidar dúvidas da população socorrense sobre o corte e poda de árvores existentes no município, falamos com Marcelo Prata Savoy, diretor do Departamento de Meio Ambiente da Prefeitura Municipal da Estância de Socorro.

O diretor que é engenheiro florestal, que por sí só já garante o conhecimento das leis e dos procedimentos que norteiam esse contexto, explica que a poda das árvores são feitas de forma ordenada e planejada e tem seus objetivos, como a redução do volume da copa nas árvores de grande porte, diminuindo o risco de queda e a interferência em equipamentos públicos, como rede elétrica e iluminação pública. “Ao mesmo tempo periodicamente é necessário dar formato a copa e retirar galhos doentes ou com risco de queda, que possa oferecer perigo as pessoas”, esclarece.

A Prefeitura realiza a poda nas árvores da cidade todos os anos, no período de maio a agosto, meses considerados mais frios e secos, quando elas perdem folhas. “As árvores existentes nas calçadas, praças e parques públicos são de responsabilidade da Prefeitura Municipal, que através do departamento de ambiente realiza a poda ou autoriza o morador a fazê-la” diz o diretor.

É importante ressaltar que qualquer munícipe pode solicitar uma poda de árvores, cabendo a Prefeitura, por intermédio do Departamento de Meio ambiente, julgar se o pedido é pertinente ou não. Caso positivo a solicitação é encaminhada para o Departamento de Limpeza e Conservação o qual realiza a execução do serviço.

Os critérios adotados para a liberação da poda ou corte de uma árvore são relacionados a fatores de risco e ou sanitários; como se a mesma esta saudável, apresenta risco de queda de galhos ou tombamentos, urbanísticos, como se esta arvore compõe um paisagismo maior, com harmonia com as outras árvores da rua, ou se a mesma esta intervindo em algum equipamento público, como fiação elétrica ou impede a passagem de pessoas no passeio.

Alguns munícipes gostariam de saber sobre a questão das placas e avisos quando das podas, Marcelo Savoy explica que não há uma indicação, com placas ou avisos, indicando que a prefeitura está realizando a poda no local, porém a prefeitura sempre realiza as podas por meio de uma equipe, nunca com apenas um funcionário, além de manter por perto um carro ou trator com o símbolo oficial. As denúncias, reclamações, informações ou sugestões podem ser realizadas pelo email meioambiente@socorro.sp.gov.br ou pelo telefone 3855-9617.

Há duas iniciativas que norteiam os trabalhos do departamento em relação a arborização, a primeira está vinculado com o Programa Município Verde Azul, no qual todo ano a Prefeitura deve realizar o levantamento da Proporcionalidade de Projeção de Copa, indicando a quantidade e a distribuição das copas na área urbana. A segunda, diz respeito à qualidade da arborização, e é baseado no trabalho publicado na Revista da Sociedade Brasileira de Arborização Urbana, intitulado “INVENTÁRIO DA ARBORIZAÇÃO URBANA DO MUNICÍPIO DE SOCORRO – SP E PROPOSTA DE UM ÍNDICE DE DANOS À INFRA-INFRAESTRUTURA DAS CIDADES”, o qual foi realizado pelos socorrenses Richieri Antonio Sartori; Ana Paula Balderi.

Atualmente não há uma política publica de incentivo ao munícipe arborizar sua calçada, porém a prefeitura realiza sistematicamente o plantio de novas mudas, tanto nas calçadas, como nas praças e parques. “Dispomos de mudas no Horto Municipal para serem plantadas nas calçadas, basta que o cidadão entre em contato com o departamento de meio ambiente”, finaliza o diretor do Meio Ambiente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *