A Prefeitura de Socorro atinge um marco significativo ao obter a habilidade de emitir o Selo Arte para produtos de origem animal, ampliando horizontes para os produtores locais no cenário nacional.

Descentralização e Vantagem Competitiva

A partir deste ano, o Departamento de Desenvolvimento Rural assume a responsabilidade de emitir o Selo Arte, antes restrita aos órgãos estaduais. Essa mudança simplifica o processo de certificação, proporcionando aos produtores locais uma vantagem competitiva no mercado nacional. Agora, produtos tradicionais de Socorro podem alcançar lojas e mercados em diversos estados, impulsionando a economia local.

O diretor de Desenvolvimento Rural da Prefeitura de Socorro, Alexandre Moreira, destaca que a descentralização do processo não apenas estimula a formalização, mas também oferece uma vantagem competitiva crucial. “Produtos tradicionais, até então restritos a determinadas regiões, têm a chance de chegar a lojas e mercados de diversos estados, impulsionando a economia local”.

Ampla Gama de Produtos e Garantia de Qualidade

O Selo Arte pode ser atribuído a uma variedade de produtos, incluindo lácteos, cárneos, pescados, seus derivados e produtos de abelhas. Para os queijos artesanais, destaca-se um identificador próprio chamado Selo Queijo Artesanal. Para os consumidores, esses selos representam uma garantia de qualidade, assegurando que os produtos são artesanais e seguem as boas práticas agropecuárias e de fabricação.

Informações e Contato

Os interessados em obter mais informações sobre o Selo Arte podem procurar o Departamento de Desenvolvimento Rural no Espaço do Produtor, localizado na Praça Rachid José Maluf, nº 180, ou entrar em contato pelo telefone (19) 3895-6430.

#Socorro #SeloArte #ProdutosArtesanais #DesenvolvimentoRural #EconomiaLocal

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *